Don Juan Arrumador (e a Rainha do Pára​-​brisas)

from by Luís Formiga

/
  • Compact Disc (CD)

    Includes unlimited streaming of Subnutridos via the free Bandcamp app, plus high-quality download in MP3, FLAC and more.
    ships out within 5 days

     €10 EUR or more

     

  • Includes unlimited streaming via the free Bandcamp app, plus high-quality download in MP3, FLAC and more.

     €0.79 EUR  or more

     

lyrics

Don Juan Arrumador

Faz tempo trocou jornal por uma rosa,
maneja-a como um maestro, abandonou a prosa
Lê as cidades de Calvino debaixo de uma árvore
nesta, invisibilidade é comum como mármore.

Quando o vento explica às nuvens a promiscuidade
Chove no estacionamento dos louvores
Parqueado como um dia entre duas noites
O mais solitário rei do bairro do amor
Quis ser poeta sem ser besta,
Agora bebo a minha água quando chove
Sonhos é só para quem pode, sonhos é só pr’a quem pode.
Olá eu sou Don Juan Arrumador
Não estou aqui pelo dinheiro, quero teu amor.

Dou-te a mão porque mais do que acordar sem saber
Custa-me ver um amor destes morrer
É como despedir de um velho amigo
Daqueles que connosco fez, parte do caminho

Olá eu sou a Rainha do pára-brisas
Pálida, a mais moderna das Mona lisas
Sou bela de inferno, serei suplício
Não é mau feitio é fogo de artifício
Homens aceleram para me ver chegar
Eu cá sorrio só para os maltratar
Sonhos é só para quem pode, sonhos é só p’ra quem pode.
Se sabes que não estacionarei aqui amanhã
porque me queres ficar?

Porque andas de costas tortas
E já nem sabes bem onde é o teu lugar

Dou-te a mão porque mais do que acordar sem saber
Custa-me ver um amor destes morrer
É como despedir de um velho amigo
Daqueles que connosco fez, parte do caminho

Presos na teia magnética desta cidade deixa-me ser teu chaffeur, motoristá
E da miséria de ambos faremos uma espécie de felicitá.
Deixa a esparsa tentação esvoaçar a céu aberto
Dois errados não somam um certo
Oh mais bela rainha das indecisas,
deixa minhas lágrimas lavar teu pára brisas
Sonhos é só para quem pode
Sonhos é só para quem pode.

Dei-te a mão porque mais do que adormecer, desistir
Custa-me ver um amor destes partir
É como despedir de um velho amigo
Daqueles que connosco fez, parte do caminho

credits

from Subnutridos, released June 24, 2014

tags

license

all rights reserved

about

Luís Formiga Porto, Portugal

Caçador de cerejas e tempestades, "troca os "v's" pelos "b's" desde tenra idade!

contact / help

Contact Luís Formiga

Streaming and
Download help

Redeem code